Dirigir no exterior: tudo o que você precisa saber

Dirigir no exterior muitas vezes pode ser parte importante das decisões a serem tomadas para uma viagem, seja para dirigir seu próprio carro ou, principalmente, alugar um veículo.

Isso porque pode ser muito mais confortável ter a possibilidade de dirigir no exterior, tendo mais liberdade na escolha dos destinos e se deslocando em menos tempo.

Mas quais são as exigências para conduzir um veículo fora do Brasil? Neste artigo você  vai conhecer todos os passos para se preparar com antecedência, segurança e, claro, dentro da lei.

O que é preciso para dirigir no exterior?

A maneira totalmente legal para que você possa dirigir no exterior é emitir a Permissão Internacional para Dirigir (PID), para países signatários da Convenção de Viena e que atendam ao Princípio de Reciprocidade com o Brasil.

Mas para maior segurança o condutor deve consultar o consulado do país em que deseja dirigir, verificando a necessidade de emissão do documento, já que não há regra comum para todos os países.

Ou seja, cada nação possui a sua própria legislação nacional. Em alguns casos, você é obrigado a apresentar a PID junto com a CNH, mas em outros países basta apenas um ou outro. 

Por isso, a melhor decisão é solicitar a sua habilitação internacional e carregá-la junto com a CNH, independente do país de destino, o que é recomendado pelo próprio Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) aos turistas brasileiros.

Como emitir a PID

Para solicitar a emissão da sua PID pelo Depto. de Trânsito (Detran) do Distrito Federal ou do estado em que você reside, é preciso seguir algumas exigências:

  • Ter sua habilitação em situação regular (nem suspensa, nem cassada);
  • Estar com sua habilitação no prazo de validade, e sem que esteja em processo de mudança de categoria.

Após as exigências, basta seguir algumas etapas:

  • Acesse o serviço no site do Detran-DF (ou do estado que você reside) e emita o boleto para pagamento;
  • Realize o pagamento do boleto em uma agência bancária indicada;
  • Caso opte por buscar a PID, verifique os locais de retirada através do Detran-DF ou Detran correspondente.

Prazos e validade

Segundo o Detran-DF, o prazo para emissão da PID é de cinco a oito dias úteis, a contar da data de confirmação de pagamento do boleto, podendo variar a depender do estado. Para recebimento pelos Correios, consulte também os prazos.

Já o prazo de validade da PID será de, no máximo, 3 anos, a partir da data de emissão da sua PID, ou até a data de expiração da validade da sua CNH.

Compartilhe

Única clínica credenciada pelo DETRAN, perto de tudo e de você!